Fotos de mães 52163

Uma coisa é eu estar com fome e outra é meu filho. Sem contar com uma rede de apoio na cidade ou ter ajuda do pai da criança, ela teve que pedir dinheiro emprestado e depender de outras pessoas. Em meio a mudanças nas dinâmicas de trabalho, com preferência para trabalho em casa e chamadas de vídeo, a falta de conectividade impacta diretamente na fonte de renda dessas mulheres. Tudo ficou mais sobrecarregado do que antes. A iniciativa oferece suporte emocional e financeiro a mulheres afetadas pelo isolamento social. Os 8GB do plano de dados móveis de sua operadora só sustentam uma semana de uso, uma vez que os aplicativos e download de material usam grande quantidade de dados. Com o aumento dos gastos, o auxílio merenda faz falta. Agora, sua principal fonte de renda é o auxílio emergencial. Antes da pandemia, ela fazia atendimentos particulares.

Araraquara

A trama conta a história de três mulheres e suas relações com o amor materno. Jovem, ela saiu de Malaquitas, interior do Rio Grande do Norte, rumo ao Rio de Janeiro quando descobriu que seu filho Domênico Eros Lazari foi vendido pelo pai com apenas dois anos de idade. No meio do caminho, ela exatamente encontra uma bebê abandonada na beirada da estrada e pega para dar. Ela resolve fazer uma lista das coisas que precisa fazer antes de morrer e sofre em imaginar seu filho sem sua presença. A reviravolta na vida amorosa de Vitória Vitória mostra que as coisas acontecem quando a gente menos imagina.